Associe-se!

Por um Brasil mais justo e empreendedor. Participe da AJEE!

Desenvolvemos jovens lideranças, estimulando o empreendedorismo como vetor do desenvolvimento econômico.

Na Mídia

Dia da Liberdade de Impostos será realizado em mais de 15 estados brasileiros

18/05/2015 13h07 | Atualizado em: 18/05/2015 13h12
A Confederação Nacional dos Jovens Empresários (Conaje) e movimentos que representam jovens empreendedores e empresários em mais de 15 estados brasileiros vão realizar, em 22 de maio, o Dia de Respeito ao Contribuinte e da Liberdade de Impostos (DLI). Por meio de ações e atividades coordenadas, a proposta é conscientizar a população sobre a alta carga tributária, como são distribuídas as arrecadações em todo o país e a evolução do percentual desta carga ao longo dos governos.

Durante o DLI, o objetivo também é cobrar a efetiva e correta aplicação de tributos em benefício de toda sociedade, além de coletar assinaturas para o Movimento Brasil Eficiente (MBE) - que propõe a Simplificação Fiscal por meio da redução do número de impostos, ponto de partida para a redução da carga tributária. Mais de 250 mil pessoas já assinaram o manifesto em www.brasileficiente.org.br .

Junto com parceiros, a Conaje e seus movimentos de empreendedorismo jovem vão promover, nas cidades participantes, ações como exposição de produtos com valores sem e com impostos, vendas de combustíveis e refeições sem a cobrança de tributos, happy hour sem impostos, pedalaços, entre outras ações.

Assim como em anos anteriores, um dos focos do DLI será o alerta sobre a alta carga tributária que incide na área da educação no Brasil. O presidente da Conaje, Fernando Milagre, alerta que, atualmente, “com o valor dos impostos recolhidos dos brasileiros é possível pagar mais de 753 milhões de mensalidades escolares em instituições particulares. Salienta ainda que hoje a classe empresarial destina 33% de seu faturamento somente ao pagamento de tributos.”


  Levantamento da Conaje revela ainda que o Brasil é um dos poucos países do mundo que tributam a educação, com impostos ultrapassando os 37% nas mensalidades escolares. No caso de materiais, a carga tributária pode chegar a quase 50% do valor cobrado pelo produto. Os dados são do Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT). Durante o DLI, a CONAJE também chama atenção para o crescimento da carga tributária a cada governo, começando pelo governo Sarney com 22,9% de carga até o governo Dilma, correspondendo aos atuais 36,42% de carga tributária praticada no Brasil.

Dia de alerta
Pela Lei 12.352/10, sancionada pelo então presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, e proposta (PL 819/07) pelo então deputado federal Sandro Mabel (PR-GO), o ‘Dia da Liberdade de Impostos’ é celebrado sempre no dia 25 de maio. Em 2015, O DLI será realizado no dia 22 de maio, porque é alusivo ao período em que os brasileiros trabalham no ano para pagar impostos, taxas e tributos para o governo. Em média, 36% da renda bruta do trabalhador são comprometidas e direcionadas para pagar tributos federais, estaduais e municipais, segundo dados do Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT).

Segundo Fernando Milagre, o País até avançou nos últimos anos no que diz respeito à tributação, com a retirada de impostos federais que incidem em produtos da cesta básica e a lei que determinou a discriminação de impostos e tributos em notas e cupons fiscais. “Mas é preciso avançar muito mais. O trabalho de conscientização e alerta tem sido feito, tanto com o DLI quanto com o Feirão do Imposto. Isso sem falar da cobrança que movimentos como a Conaje e o MBE realizam periodicamente em várias regiões do Brasil. Mesmo com tudo isso, é preciso lutar e cobrar ainda mais dos governos, sejam municipais, estaduais ou federais. Precisamos, por exemplo, saber para onde vão os 33% de impostos que incidem no faturamento dos empresários brasileiros. Esses tributos precisam ser revertidos em benefício para a sociedade”, enfatiza.

Conaje
Com atuação e representação em 22 estados brasileiros, a Conaje é uma entidade sem fins lucrativos que atua há 16 anos no fomento ao empreendedorismo, fortalecimento, criação e manutenção de novas empresas – principalmente geridas por jovens -, na articulação e divulgação de práticas capazes de fortalecer a disseminação de novos e sólidos negócios no Brasil. Por meio de parcerias, trabalha também para o estabelecimento de políticas públicas e práticas institucionais que incluam os micros e pequenos empreendedores nas primeiras categorias de estratégias de desenvolvimento do País.

Com foco ainda no jovem empreendedor, a Confederação realiza projetos, eventos e ações para desenvolver empreendedores e jovens líderes através de capacitação técnica e experiências diferenciadas, e facilitar a troca de informações e gerar conexões com o objetivo de promover oportunidades de negócios.

Pilares da instituição
Mais de 36 mil jovens empresários e empreendedores do País, por meio de 186 entidades, relacionam-se direta e indiretamente com a instituição, com o objetivo de articular e divulgar práticas que fortaleçam a disseminação de novos e sólidos negócios no país. Com o apoio dos núcleos estaduais e locais, desenvolve ações que se baseiam nos pilares da entidade, que são capacitação, relacionamento e representatividade.

Ficha técnica
Dia de Respeito ao Contribuinte e da Liberdade de Impostos
Data: 22 de maio de 2015
Local: mais de 15 estados brasileiros
Site: www.conaje.com.br
Facebook: Conaje
Twitter: @conaje
#Conaje #AssinaBrasil #DLI #liberdadedeimpostos